12/02/2019

[Resenha] Red Hill



Ficha técnica:

Red Hill
Autora: Jamie McGuire
Ano de publicação: 2015
Nº de páginas: 350

Aqui estamos nós, com mais um livro surpreendente. Afinal, poderia uma autora best-seller conhecida por seus romances escrever um livro sobre zumbis e se sair bem? Eu nunca havia lido nada da autora Jamie McGuire e, quando descobri que a autora resolveu se aventurar com um livro sobre zumbis, resolvi dar uma chance.

A história nos apresenta três pontos de vista: Scarlet, mãe divorciada, com duas filhas, que tenta manter as coisas na linha; Nathan é casado, mas sente-se como se isso fosse um fardo, não uma dádiva; Miranda só quer chegar ao rancho do seu pai e aproveitar o fim das provas na faculdade. Mas tudo vai por água abaixo quando um surto acontece e, de repente, todo mundo ao redor começa a se transformar em zumbis.

Gosta de livros sobre apocalipse zumbi? Aproveita pra conhecer os meus:

Conheça Sozinhos no Escuro e Condenados

Quando o surto começa, cada um foge como pode, tentando encontrar um lugar seguro e com suprimentos o suficiente para poder sobreviver durante sabe lá Deus quanto tempo. Ninguém sabe explicar o surto, nem como ele começou. A princípio, acredita-se que seja por causa de uma vacina, mas nada foi provado. Como se não fosse o bastante, ninguém se transforma no mesmo espaço de tempo. É como se o vírus levasse um tempo diferente para fazer efeito em cada pessoa.

Com tanta experiência em apocalipses zumbis, quando um surto começa, para onde você deve ir? Um local grande, seguro e afastado. O primeiro lugar que passa pela mente de Scarlet é o rancho Red Hill, o rancho do Dr. Hayes, um superior no hospital que ela trabalhava. Por coincidência, o tal doutor é o pai de Miranda, que já estava indo para o rancho junto com seu namorado, sua irmã e seu cunhado.

Pouco a pouco, o surto avança, e fica cada vez mais difícil acreditar que há sobreviventes lá fora, ou que algum tipo de ajuda viria. Cada personagem aceita o fim do mundo à sua própria maneira e, com a ajuda de desconhecidos, tenta seguir em frente.

A frase na capa do livro é Quando o fim do mundo se aproxima, pode o amor sobreviver?. Não pense que é um livro de romance, devido ao histórico da autora. Sim, há um pouco de romance, mas nem de longe é o foco principal do livro. Red Hill é um livro sobre apocalipse zumbi, e o "amor" mencionado na capa não trata-se apenas de atração por outra pessoa, mas como podemos simplesmente amar alguém, seja parente ou um amigo.

A autora escreve como se tivesse familiaridade com o tema. As cenas contra os infectados são incríveis! Os personagens são fortes, e nos importamos com cada um deles. Mesmo com suas diferenças, eles sabem que precisam se unir por uma causa maior, e isso dá muito certo. A cada dia que se passa, os laços e a confiança entre eles aumenta. Foi muito interessante ver como cada um deles cresceu como pessoa com o decorrer da história. Você se torna mais maduro, aprende na marra a tomar decisões importantes, como matar alguém que você ama, antes que ele retorne como um morto-vivo e te devore.

Red Hill é um livro maravilhoso sobre apocalipse zumbi mas, acima de tudo, também é uma história sobre como ter esperança em meio ao caos.


Nota:

Gostou da resenha? Então vem conferir esse post sobre apocalipse zumbi:



4 comentários:

Siga-nos no Instagram @dicasdojess