12/01/2018

[Novidades] Cavaleiro Negro publicará Monge Guerreiro

Um grande passo para o autor, e um grande passo para a literatura nacional!

Como vocês sabem (espero muito que saibam), além de blogueiro, também sou autor, e fico muito feliz quando um amigo autor tem uma conquista pessoal, como ter o livro publicado por uma grande editora. É gratificante para mim ver que, mesmo não tendo o reconhecimento que merecia, a literatura nacional está conquistando seu espaço no mercado literário.

E, hoje, o dia é seu, Romulo Felippe. Romulo é autor do livro Monge Guerreiro. O livro é muito bem cultuado entre os fãs de literatura fantástica e, numa enquete realizada pelo grupo Reino dos Livros, no Facebook, o livro foi eleito a melhor leitura nacional de 2017 (confira aqui). O Reino pertence ao blog Acervo do Leitor, um dos mais conceituados do Brasil. Ou seja, não foi uma vitória qualquer. Foram leitores exigentes, dando nota máxima e apostando todas as suas fichas no livro do autor.

E tudo isso, junto ao esforço pessoal do autor, deu resultado. Hoje, a Cavaleiro Negro Editora (Noite das Facas, O Lamento de Dançarino), anunciou que publicará o livro. Se eu estou feliz, imagino como o Romulo está haha
Brincadeiras à parte, parabéns, meu amigo. Saiba que nós, leitores, estamos orgulhosos de ti, e que essa seja a primeira de várias conquistas!

Sinopse: Maior rei da história da França, Luiz IX (hoje São Luiz) determina que duas das mais importantes relíquias do Cristianismo sejam transportadas dos confins da Terra Santa e da Grécia binzantina até o coração do seu reino. De Jerusalém partem os valentes Cavaleiros Templários liderados pelo grão-mestre Christopher Blancher, um experiente combatente que carrega preso à armadura a coroa mais poderosa do mundo; do Monte Meteóra, e por decisão do destino – quiçá divina –, parte o monge ortodoxo Bastian Neville, um dissidente da Ordem do Templo, cuja missão é levar de encontro aos antigos irmãos de armas a Lança de Longinus. Entre as duas relíquias sagradas, entretanto, há um rei pagão de nome Slatan Mondragone. Sua missão? Reduzir a pó todos os reinos Cristãos. E para isso uma profecia deverá ocorrer na boca do Vesuvius, o vulcão mais furioso da Europa. Com mais de oitenta personagens e combates épicos – eclodindo em um final apoteótico no coração de Veneza – Monge Guerreiro narra não uma, mas diversas odisseias no coração negro do século XIII.

Confiram aqui a resenha realizada pelo Acervo do Leitor.

Obs: a capa ainda possui o logo da antiga editora, pois a Cavaleiro Negro ainda não divulgou a capa nova. Quando ela for divulgada, atualizo o post.


Nenhum comentário:

Postar um comentário