08/09/2017

[Review] It - A Coisa



QUE FILME MARAVILHOSO!

Desculpem, não consegui começar de outra forma. Se vocês acompanham o blog, sabem que eu amo Stephen King e que eu estava mais do que ansioso para assistir It - A Coisa. Precisei ir na estreia, e meu Deus do céu, valeu muito a pena. Se você não conhece o livro, dê uma lida rapidinha na resenha. A gente te espera.

Vi algumas críticas do filme antes de assisti-lo, claro. Em sua maioria, elas foram muito positivas, o que fizeram meu hype aumentar ainda mais. A história se passa em Derry, no Maine, e narra a história de um grupo de amigos conhecidos como O Clube dos Otários. Eles só queriam ficar em paz, porém, é exatamente isso que não acontece. Crianças começam a desaparecer, incluindo Georgie, o irmão mais novo de Bill.
O filme distancia-se um pouco do telefilme de 1990, mas sem perder a essência criada por Stephen King. Pelo contrário. Diferente da maioria das adaptações das obras de Stephen King, o diretor acertou em cheio no filme. O livro contém 1102 páginas, e é sobre crianças. Não tinha como ser apenas terror, e o filme também foca nisso. Foca no lado infantil das crianças. Em como ficam unidos para enfrentarem seus medos, em como confiam um no outro, em como se protegem e em como se comportam. Ora, são crianças! Sim, o filme também é engraçado, com várias cenas hilárias, na verdade. Mas meu amigo, quando resolve assustar...



Os atores mirins fizeram um ótimo trabalho, mas Bill Skarsgard como Pennywise roubou a cena. Ele conseguiu ser cativante e, ao mesmo tempo, macabro. A cada sorriso e revirada de olhos, era possível sentir que algo muito ruim estava por vir. Pennywise é capaz de assumir a forma do medo mais sombrio de cada pessoa e, se você ousar falar que não tem medo, se prepara, porque o buraco é mais embaixo, o que me faz mencionar outro ponto positivo do filme: a qualidade gráfica.

O filme é ambientado nos anos 80. Se você gosta de Stranger Things e notou algumas referências, saiba que, na verdade, a série é fortemente inspirada nas obras de King, incluindo It. Sangue escorre por todos os lados e, quando a Coisa ataca, nós realmente sentimos medo. Ele é visceral, como precisa ser, mas dentro dos limites possíveis.

Em nenhum momento o filme foge de foco. Como dito acima, soube mesclar muito bem entre a comédia e o horror, juntamente com a fantasia. O corte final é muito bem feito. São duas horas e 14 minutos que passam rápidos demais para serem percebidos. It - A Coisa tornou-se um de meus filmes favoritos, e arrisco-me a dizer que foi um dos melhores filmes de terror do ano. Se está procurando se divertir, assista ao filme. Venha flutuar também.

It - A Coisa: Capítulo Um é um filmaço e, assim como o filme de 1990, marcará época, e ficará na mente dos fãs por um bom tempo.

Obs: cuidado com a cena do projetor.

Nota:


2 comentários:

  1. Cada vez fico mais ansiosa para ver este filme! Adorei a review , muito bem feita :)
    Beijinhos,
    https://i-dreamer-girl.blogspot.pt/2017/09/como-organizei-minha-agenda-para-o-novo.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ir sem medo, você vai adorar!
      Obrigado :3

      Excluir