12/02/2017

[Curiosidades] Paralisia do Sono



É, eu sei. Faz muito tempo desde o último post sobre curiosidades. Eles demandam tempo, e os últimos posts não tiveram o alcance esperado. Entretanto, resolvi dar uma nova chance, e vamos voltar com tudo!
Sabe o que é Paralisia do Sono? Pode não saber, mas já deve ter passado por isso ao menos uma vez na vida. Se não passou, meu amigo, considere-se com sorte. Eu já passei por isso e, vai por mim, não desejo que ninguém passe pela mesma coisa.
A pessoa está dormindo e, de repente, acorda. Entretanto, não consegue se mexer, como se estivesse presa à cama e, em alguns casos, relata ter visto algo - ou alguém, que costuma ser um homem de roupas escuras usando chapéu. É, nada legal, eu sei, mas essa é a paralisia do sono, resumidamente. Clinicamente falando, soa um pouco menos aterrorizante, mas é só impressão. A paralisia do sono é relacionada a um estado muito específico do sono, conhecido como REM (Rapid Eye Movement, ou Movimento Rápido dos Olhos), que nada mais é do que o estado do sono em que sonhamos. Durante uma noite, uma pessoa pode ter de 4 a 5 momentos REM, e cada um deles dura entre 90 e 120 minutos. A paralisia do sono ocorre durante o REM. O cérebro "acorda", mas o corpo permanece dormindo.
Deixe-me explicar de uma forma mais fácil. Imagine que você está dormindo. Seu cérebro desperta do estado de sono, mas seu corpo não percebe isso, e age como se você ainda estivesse dormindo. Ou seja, você está mentalmente acordado, mas não fisicamente. Cientificamente explicando, até parece algo bem comum. É comum, de fato, mas não é só isso que faz da paralisia do sono algo tão temido.
Suponhamos que você está dormindo e tem a paralisia do sono. Seu cérebro desperta, mas você não consegue se mover. Não importa quanto você tente se mover, ou até mesmo gritar, de nada vai adiantar. Você começa a suar frio, e sente como se alguém estivesse em pé sobre você.
Pode piorar, eu sei, e piora. Por mais curioso que pareça, paralisia do sono é algo comum, e várias pessoas já passaram por isso, seja uma única vez ou até mesmo com mais frequência. Boa parte dessas pessoas relatam ter visto vultos durante um estado de paralisia do sono. Sombras, vozes, um homem de chapéu. É, um homem de chapéu. Imagine que milhões de pessoas ao redor do mundo tenham paralisia do sono. Agora imagine 60% dessas pessoas vendo EXATAMENTE A MESMA COISA, como se esse sonho estivesse conectado entre todas elas. As alucinações variam, claro, mas geralmente são esses os relatos. Ou será que não são só alucinações?
Talvez não sejam só alucinações. Paralisia do sono é algo simples, mas também complicado. É fácil explicar por que acontece, mas ninguém sabe o por quê das alucinações, e é aí que entram as teorias (muhauahuahuah). Seria algo relacionado aos extraterrestres? Outra dimensão? Projeção astral? Ninguém sabe. Como eu disse, paralisia do sono é algo simples e, ao mesmo tempo, complicado. Pode acontecer uma única vez durante a vida, ou até mesmo frequentemente. Pode durar mais ou durar menos, depende da pessoa.
Já assistiu o filme Sobrenatural? Ele trata sobre Projeção Astral, mas também trata de paralisia do sono. Sabe aquelas criaturas esquisitas que aparecem no filme, principalmente a velha que atormenta o pai do guri? São esses tipos de criaturas que nós vemos quando temos um episódio de paralisia do sono.

Paralisia do sono NÃO é uma doença, e pode acontecer em qualquer período da vida, ou até mesmo nunca acontecer. Conheço quem nunca teve, e conheço quem passa por isso uma ou duas vezes por semana. Entretanto, há alguns fatores que contribuem para que isso aconteça:

Falta de Sono:

Se você está dormindo pouco, é bem provável que você passe por uma paralisia do sono;

Horário de Sono Irregular:

Período de férias. Você dorme quando dá na telha e acorda quando dá na telha. Parece ótimo, eu sei, mas contribui para que você tenha uma paralisia do sono, uma vez que o cérebro não está acostumado com essa rotina;

Condições mentais, como estresse ou transtorno bipolar:
Nesse caso, a paralisia ocorre por causa dos fatores acima citados. Se a pessoa sofre de tais condições mentais, é bem provável que ela esteja tratando tais condições com alguém especializado;

Dormir de Costas:
Dormir de bruços é divino, e digo isso por experiência própria, mas dormir de barriga para cima e com braços e pernas abertos, como o Patrick Estrela, pode ajudar;

Narcolepsia (episódios irresistíveis do sono) e/ou cãibras noturnas:
Narcolepsia é um distúrbio do sono. Não importa o quanto você durma, você quer dormir mais. Pode até parecer normal, mas não é. Talvez você ache que é preguiça, mas não é. Primeiro, procure um especialista para tratar disso. Segundo, se você sofre disso, é provável que você também tenha paralisia do sono, mais cedo ou mais tarde.

Abuso de Substâncias:
Amiguinho, você fez Proerd. Nada de drogas, okay? Okay.

Durante a paralisia do sono, não conseguimos raciocinar, pois cada segundo é desesperador. Entretanto, você pode tentar tossir ou orar. Se tossir, é possível que o impulso desperte seu corpo; e orar... Bom, por si só, orar é algo relaxante, e estar relaxado será de grande ajuda num momento como esse.
Como foi citado, paralisia do sono é algo normal. Porém, se isso está incomodando suas noites e sua rotina, seria prudente procurar um neurologista. Ele pode te ajudar e lhe dar dicas, ou até mesmo medicações, de como ter uma noite de sono mais prazerosa.

Pensaram que acabaram? Deixei o melhor para o final. Meu próprio relato.

Já tive alguns episódios de paralisia do sono, e provavelmente era por cansaço. Talvez tenha acontecido apenas cinco vezes durante minha vida, mas me lembro apenas de dois episódios. Em ambos, senti como se estivesse amarrado à cama. No primeiro, eu tinha 12 anos. Me debati loucamente, como um peixe fora d´água. O segundo foi mais recente, no ano passado. O que há de comum entre eles? O que eu vi. Sombras dançando na parede e, na beirada da cama, uma pessoa vestida de preto me encarando, como se estivesse esperando que eu desistisse, para que ela pudesse agir. Aos 12 anos, acordei perplexo, suando frio, sem saber o que fazer. Agora já adulto, fico um pouco mais calmo quanto ao assunto.

Gostaram do post? Já tiveram paralisia do sono? Deixem nos comentários como foi a sua experiência.

Dica: Se gostou do tema, há um documentário na Netflix chamado The Nightmare. Ele é um documentário com relatos reais de pessoas que sofrem frequentemente de paralisia do sono.

18 comentários:

  1. Como disse lá na comunidade, eu já sofri de paralisia do sono e por incrível que pareça foi na mesma época que eu estava com um cara que sofria dela (!!!) também. A coisa mais bizarra é que você está acordado, no meu caso, eu não conseguia abrir os olhos e sentia meus pulsos e tornozelos sendo segurados muito fortemente. Nunca cheguei a ver nada.
    Minhas táticas, como acredito em seres de outro mundo, era pensar em movimentar uma parte do corpo e movimentar outra, 'enganando' o ser xD
    Adorei o post!
    Tenho duas dicas: faça paragrafos menores e mais divididos, texto grande assim, ninguém se concentra em ler <3 E coloque imagens pra chamar a atenção!
    A Bela, não a Fera blog | A Bela, não a Fera Youtube | Converse comigo no Twitter!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey, tudo bem?
      Eita. Isso é estranho pra caramba. Tu continuou tendo depois que se separaram? Se não, tudo fica ainda mais estranho haha
      Muito obrigado!
      Fico feliz que tenha gostado <3
      Anotei as dicas :3

      Excluir
  2. Eu tive uma vez, apenas. Hoje em dia, lembro que não durou muito, provavelmente 1 minuto ou 2, mas quando estava acontecendo parecia uma eternidade, por sorte eu não vi nada, mas tinha aquela sensação de alguém me vigiando, sabe?!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não costuma durar muito tempo, mas parece uma eternidade. Estranhamente, a maioria das pessoas que têm paralisia do sono relatam ter visto uma figura. Sinistro haha

      Excluir
  3. Jessé excelente o seu post falando do assunto, eu no meu ver acho que nunca tive, se tive não me lembro, mas o seu post é bastante informativo é sempre bom a gente ficar sabendo desse assunto, Jessé abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha,você é bem sortuda por nunca ter tido, porque é uma sensação horrível.
      Muito obrigado!
      Abraços :3

      Excluir
  4. Texto interessante e muito útil. Eu tenho o oposto, um sono excessivo, mas acho sempre bom estar atenta aos sintomas, e até mesmo a avaliar a qualidade e posições do sono
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado :3
      Tome cuidado. Sono em excesso pode parecer normal, mas também é um distúrbio do sono. Todo mundo tem aquela preguicinha básica. Porém, em excesso, torna-se algo ruim.
      Beijão!

      Excluir
  5. Jessé, eu nào sabia disso, pois nunca passei por isso! Mas imagino o desespero que deve dar, que coisa louca né?
    Simples e complicado como vc disse! Gostei de ficar sabendo disso, achei bem informativo e interessante! Espero nào passar por isso não!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, sorte sua nunca ter passado. É totalmente desesperador. Tive cinco vezes na vida e já não gosto muito disso. Imagine quem tem casos frequentes kk
      Obrigado pelo elogio <3

      Excluir
  6. Ja li sobre isso uma vez! Mas nao me ocorreu e nao conheco quem ja passou! Sinistro né rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, isso é bem mais comum do que parece. Muita sorte você nem conhecer alguém que tenha passado por isso kkk

      Excluir
  7. Eu já tive impressão de que o teto iria cair ou que a cama iria me devorar. É horrível essa sensação :)
    Espero que nenhuma teoria se comcretize, amém! hauihuaha

    Alana Zoz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estava sendo "observado" por uma mulher. Foi sinistro. Já faz um tempo que não tenho.
      Se Deus quiser, não vão se concretizar kk

      Excluir
  8. Jess Acredita que teve um tempo que eu sofria muito com isso era aterrorizante rsrsrs, mais graças a Deus mais nunca vive essa situação. E foi por falta de sono eu não estava dormindo direito. rsrsrs Como sempre só conteúdo maravilhoso no seu blog. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Distúrbios do sono são coisa séria. Ainda bem que tu nunca mais teve.
      Ah, sua linda. Obrigado <3

      Excluir