24/08/2016

[Curiosidades] O Incidente de Roswell


Hey, galera! Tudo bem com vocês?

Você não acredita que estamos sozinhos no universo, né? Digo, entre vários planetas, dentro de várias galáxias inexploradas, é impossível que a Terra seja o único planeta com vida inteligente. Bom, mesmo que você acredite que não há ninguém morando lá fora, você provavelmente já ouviu ao menos falar do Incidente de Roswell, que é considerado como o incidente mais famoso sobre OVNI's.
Roswell, Novo México. 2 de julho de 1947, foi o cenário da queda de um objeto voador, isso é fato. Na noite do dia em questão, o rancheiro Mac Brazel descobriu os destroços de algo o qual ele não conseguiu identificar. Todo feliz, Brazel resolveu contar a tal descoberta para seus vizinhos. Como se contar não bastasse, ele também mostrou os detritos, o qual era semelhante ao alumínio, mas extremamente maleável e, ao mesmo tempo, muito duro. Observado de determinado ângulo, era possível ver a existência de estranhos desenhos que eram semelhantes a símbolos matemáticos. Os vizinhos disseram a Brazel que, na noite anterior, ao menos 12 OVNI'S foram vistos, e os mesmos o aconselharam a relatar o fato para as autoridades. Seguindo o conselho, Brazel relatou tudo ao xerife George Wilcox.

Cheio de boas intenções, Brazel e o xerife Wilcox dirigiram-se aos militares, e ambos ficaram um bom tempo lá, relatando o ocorrido. Quando retornou ao rancho, XABLAU! O local estava rodeado de militares, que pesquisavam a área e coletavam os detritos que o próprio Brazel havia descrito. Como se isso não bastasse, ninguém, absolutamente ninguém tinha permissão para se aproximar. Quem estava lá era o major Jesse Marcel, oficial da inteligência 509. Após isso, ele deveria levar os tais destroços para a Base de Carswell, no Texas. O caso não devia ser divulgado, claro. Imagine só o problema que daria se a população descobrisse que um OVNI caiu na Terra. Bom, foi exatamente o que houve. Em 8 de julho de 1947, o jornal Roswell Daily Record publicou: "Força Aérea Americana captura disco voador num rancho na região de Roswell". A nota só foi publicada devido à colaboração do tenente Walter Hunt. Entretanto, os superiores de Hunt disseram que a notícia era falsa, pois o tenente não sabia o que realmente estava acontecendo. No mesmo dia, a base de Fort Worth recebeu o material para análise. A explicação oficial veio logo em seguida. O tal objeto nada mais era do que um balão meteorológico com radar de alumínio e madeira. Aham, balão. Eles estavam encobrindo a verdade, e fizeram de tudo para que todos engolissem o que eles disseram ser a verdade.

O Incidente de Roswell ficou "escondido" durante alguns anos, mas mudou completamente em 1978. O físico nuclear Stanton Friedman ouviu falar do major Jesse Marcel. Ele localizou o ex-major, mas o mesmo não se lembrava da data exata do acontecido. No ano seguinte, Friedman ficou mais animado do que nunca, porque Marcel lhe disse que os militares estavam acobertando a visita de um disco voador. Antes de levar os destroços para a base, ele passou em casa, pois queria dar à família a chance de ver de perto um ser de outro planeta. Marcel também afirmou que o material levado por ele ao Texas não era o mesmo que foi fotografado na sala do general Roger Ramey. Um especialista em meteorologia foi chamado às pressas ao escritório do general e, ao chegar lá, logo de cara viu que aquilo era sim, um balão meteorológico. Porém, os destroços não apresentavam rasgos ou defeitos. Não parecia que eles haviam caído no solo. Parecia que haviam sido tirados se uma caixa e amassados.

Aqueles que estudavam sobre o Incidente de Roswell acabaram criando mais uma teoria. Eles achavam que os destroços de Roswell eram, na verdade, pedaços de um projeto conhecido como Projeto Mogul. Mogul era um projeto que usava dispositivos de escuta suspensos à altas altitudes em balões meteorológicos. Incluía um sistema de sonares e um sistema de rastreamento de radar que podia monitorar testes feitos na antiga União Soviética. Kendrick Frazier acreditava nessa teoria. Bom, suponhamos que os destroços realmente pertencessem ao Mogul. Mas e os desenhos nos destroços? Havia uma empresa de brinquedos em Manhattan. Além de brinquedos, essa empresa fabricava os tais refletores de radar, para as tropas de comunicação do Exército. A tal empresa tinha fitas de reforço com aqueles símbolos esquisitos. Por desconhecer a tal empresa, os entusiastas acreditam que Brazel logo associou o objeto como sendo de outro planeta.

Muitos entusiastas dizem que não um, mas DOIS fatos foram encobertos naquele dia: substituição dos destroços da tal nave e ocultação dos corpos dos ocupantes. Durante décadas, vários boatos diziam que não haviam apenas destroços ali, mas também corpos de alienígenas. Os corpos teriam sido levados para o Hangar 84 e mantidos em gelo seco. A teoria dos tais corpos surgiu por causa de um funerário local. O tal agente funerário alega ter recebido uma ligação de uma base militar, perguntando sobre caixões pequenos e como lidar com corpos decompostos pelo sol do deserto. Ele perguntou se havia um acidente, e os militares disseram que eram perguntas hipotéticas. Ele avistou uma amiga enfermeira, e ela pediu para que ele saísse dali, ou se encrencaria muito. Eles se encontraram novamente no dia seguinte. A enfermeira parecia extremamente abalada, e descreveu para seu amigo qual havia sido sua participação na autópsia das criaturinhas. Eles eram magricelas, braços longos e cabeças grandes. Possuíam apenas quatro dedos nas mãos. ENTRETANTO, os militares dizem que, na verdade, os corpos carbonizados de militares, mortos num acidente de avião. De acordo com os relatos, os desenhos feitos pela enfermeira realmente pareciam como extraterrestres, mas também pareciam corpos encolhidos, carbonizados e destruídos.

Até hoje, não muito foi revelado, e o Incidente de Roswell continua sendo um dos maiores mistérios da humanidade. Caso queira saber mais sobre o caso, deixo abaixo um documentário feito pelo Discovery Civilization. 

Mas e você? Qual sua opinião?




16 comentários:

  1. Pensa numa perna bamba. Psé! É como a minha está no momento kkkk. Q em meu quintal nunk caia nada não indentificado. O.o.... oloko rs

    Érica♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não faço ideia de como meu psicológico ficaria caso isso acontecesse. Mesmo assim, sou louco por esse tipo de histórias haha

      Excluir
  2. As vezes quando eu achava algo estranho no meu quintal tipo coisas de barro, eu ficava pensando que era do tempo das cavernas e indios haha
    Seu post me fez lembrar essa bobeira da infância HAHA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bobeira nada, miga. O que tu fez com esses objetos? kk

      Excluir
  3. Adorei!Seu post me faz viajar e aguçar minha imaginação!rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, muito obrigado. Fico muito feliz que você goste do conteúdo aqui do blog <3

      Excluir
  4. Jess, quero colocar você num potinho e guardar comigo pra ficar falando de coisas do tipo de madrugada, pode??????

    ResponderExcluir
  5. Gentee que doiiideira né? O.o
    Será que existe alienígenas? Eis uma grande dúvida.

    www.jayhanadenardi.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que existe haha
      Olha o tanto de galáxias e planetas por aí. É impossível nosso planeta ser o único habitável por seres inteligentes.

      Excluir
  6. Eis a questão! Verdade ou não? KLM
    Amei o post! Flw

    ResponderExcluir
  7. Muito bom o post,assunto fascinante.Parabéns

    ResponderExcluir