13/05/2015

[Lançamento] A Renovação

Bom dia, seus lindos. Tudo bem com vocês? Exceto pela gripe e por estar lotado de trabalhos da faculdade pra fazer, to de boa na lagoa.

Há alguns minutos atrás, a editora Tordo Editorial divulgou em sua página do Facebook capa e sinopse de seu próximo lançamento: A Renovação, da autora Ana Paula Braz. Segue abaixo capa e sinopse da obra. E aí, o que acharam?

As guerras destruíram o mundo como o conhecemos hoje e décadas depois um novo tratado de lei, conhecido como Central, abre portas para uma nova sociedade, típica para ser chamada de utópica.
Com a idealização de que os jovens são o futuro, é decidido que a cada novo ano aconteça as inscrições para escolha de seis representantes. Que terão o dever de manter o funcionamento da Central.
O ano agora é 327, Carlota Gomes está pronta para realizar sua quinta inscrição. Com a constante incerteza se conseguirá ao menos uma posição digna entre os inscritos, ela chega ao imponente Edifício das Inscrições e depara-se com uma radical mudança, intitulada apenas como Renovação.
Essa quebra de rotina lança Carlota e outros inscritos numa desventura inesperada. Onde testar sua coragem, participar de uma iniciação mortal, colocar sua vida em constante risco, e viver com pessoas que seguem ordens absurdas; tornam-se os menores dos problemas diante a falta de uma explicação plausível ao que está acontecendo.
E sem saber, ela passa a ter em suas mãos escolhas importantíssimas para aquilo que chamam de Renovação.
É deste modo que se inicia a trilogia ‘A Recriação’. Ambientado numa sociedade regida por um único sistema e órgão, que tem como ideal a vida longa da Central. Protagonizada por Carlota Gomes, garota que precisará por inúmeras vezes lembrar daquilo que acredita para seguir as mais importantes escolhas.


2 comentários:

  1. Como o povo gosta de distopia... Cansei um pouco do gênero depois de ler tantas trilogias.
    Bj e fk c Deus.
    Nana
    http://procurandoamigosvirtuais.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ah, Nana. Eu gosto bastante das distopias, e a literatura nacional está apresentando bastante obras interessantes do gênero.

    Abraços :3

    ResponderExcluir