15/07/2018

[Resenha] HEX, de Thomas Olde Heuvelt


Ficha Técnica:

HEX
Autor: Thomas Olde Heuvelt
Ano de Publicação: 2018
Nº de páginas: 368


Se vocês acompanham o blog com frequência, sabem que estou tentando fugir um pouco da minha zona de conforto literária. Quando soube que a DarkSide publicaria um livro de terror holandês sobre uma bruxa eu pensei: hum, por que não? Vai ser divertido.

13/07/2018

[Curiosidades] Mansão Winchester



Se você ao menos ouvir falar na série Sobrenatural, então você conhece os irmãos Winchester. Na série, eles são hábeis caçadores de demônios, e ganharam uma legião de fãs ao redor do mundo. E se eu te contar que parte disso tudo é baseado numa assustadora história real?

29/06/2018

[Resenha] De Volta Para Casa


Ficha Técnica:

De Volta Para Casa
Autora: Seanan McGuire
Ano de publicação: 2018
Nº de páginas: 184

Logo que esse livro foi anunciado, não consegui esconder que precisava lê-lo. Demorou um pouquinho, mas o De Volta Para Casa realmente encontrou um lugarzinho na minha estante. E agora, no meu coração. Só pra fazer uma breve apresentação: o livro é vencedor do Hugo Awards, Locus Awards e Nebula Awards. Sigamos com a programação normal.


25/06/2018

[Resenha] A Casa dos Pesadelos



Ficha Técnica:

A Casa dos Pesadelos
Autor: Marcos DeBrito
Ano de publicação: 2018
Nº de páginas: 138


Galera, precisamos falar sobre Marcos DeBrito. Diretor, roteirista e também autor, Marcos trabalha com terror. Após assistir Condado Macabro, me senti na obrigação de acompanhar o trabalho do cara, fosse no cinema ou na literatura.

O autor já havia sido indicado no post 10 livros nacionais de terror que você precisa conhecer. A Casa dos Pesadelos foi o primeiro livro do autor que eu li e, como eu esperava, não me decepcionei. 

23/06/2018

[Resenha] Interferências, de Connie Willis


Ficha Técnica:

Interferências
Autora: Connie Willis
Ano de publicação: 2018
Nº de páginas: 464


Vocês sabem, ainda estou começando a ler ficção científica e, até agora, fiz ótimas escolhas, obrigado. Primeiro foi Justiça Ancilar, e agora foi Interferências, da incrível autora Connie Willis. Confiram minha opinião sobre a obra: